quinta-feira, 17 de abril de 2008

Ele Te Amou Primeiro

Sou uma pessoa que tenho vontade de mudar o mundo, mas devido à pressão que a sociedade e até mesmo a igreja [sim, a Igreja, a principal mensagem da Igreja Universal do Reino de Deus é prosperidade e riqueza] impõe de ser “alguém na vida”, vamos dizer que é cada vez mais difícil conviver com isso e ter a vida totalmente voltada pra Cristo. Se eu pudesse, com certeza eu largaria tudo e teria uma banda Cristã [meu sonho] para passar a mensagem de Deus para todos que não tem essa oportunidade, mas enquanto isso não acontece, tento associar as duas coisas.

Nessa minha “batalha” venho percebendo que é complicado obter um resultado satisfatório e foi nesse raciocínio que eu optei, pelo menos nessa fase, em tentar fazer a diferença através do amor, sim o amor para com as pessoas. Por que, não? Para entender melhor o que eu pretendo passar, seria uma forma diferenciada do comportamento, e não diferenciada apenas com pessoas do “mundo”, porque todos nós pertencemos ao planeta Terra, seria com todos mesmo.

A diferença seria tratar aquele cara que é taxado de mala, nerd, cdf, “o faz nada”, o “Zé ruela”, a patricinha, o playboy, o crente, o emo, o gay, o vegetariano e até mesmo aquela pessoa que venha te tratar mal, como todas as outras pessoas você ama.

É difícil, antigamente eu não suportava emo, não entendia os seus motivos e por achar que ele não produzia nada de bom pra sociedade, eu rejeitava e abominava. Hoje, eu já aceito e caso eu tenha que falar com ele, tentarei ver o outro lado, assim como eu tentaria com qualquer outra pessoa.

Foi o que Jesus mais fez...

Amou.

5 comentários:

Flá. disse...

rafa e seus conflitos hahaha É tenso né..sempre quando a ufes aperta, ou qdo nao tou mto satisfeita com alguma coisa, fico incomodada me perguntando se era isso mesmo q Deus queria pra minha vida. ou se eu deveria largar tudo e virar missionaria, sei lah. O.o complicadérrimo, né? Mas é isso mesmo que vc falou: nossa maior missão é amar.

:]
bjão rafa! ame bastante!

darsh. disse...

esse post me fez refletir.
gostei.
obrigada.

Filipe Garcia disse...

Cara, é difícil mesmo. ô! Mas Deus sabe das nossas limitações e do nosso egoísmo nato. Resta-nos contar com a graça Dele pra que alcancemos o verdadeiro amor.

abraços.

Filipe Garcia disse...

E aí Rafael.

Que mundinho pequeno, hein? Custei a entender que o Rafael namorado da Fernanda era o mesmo do blog, rs. Mas é isso. Bacana demais ter conhecido você por aqui.

Abraço.

darsh. disse...

legaaaaal
kamelot é massa, angra também. eu ouço muitas bandas, mas é que em geral eu não ligo tanto pras letras no fim das contas =p