segunda-feira, 27 de outubro de 2008

"Ser" Humano



Essa ultima semana, tive uma série de decepções com as pessoas, que no meu caso foi difícil, pois sempre acreditei que as pessoas poderiam mudar, ou que as pessoas poderiam ser menos egoísta, pensar menos no “EU”.

Venho percebendo com certa freqüência que isso é cada vez mais presente no “meu mundinho” talvez eu fosse ingênuo, ou melhor, dizendo, nunca tinha “sentido na pele” uma situação dessas. Ambiente de trabalho e atividades em grupo na faculdade demonstrou claramente que as pessoas só pensam no beneficio próprio e para se mostrar mais eficiente em suas atividades do que os outros. O pior dessa situação fica minha pessoa, vendo tudo isso acontecer e não saber o que fazer... Como nadar contra esta maré, já que todos pensam da mesma forma, como eu posso ser altruísta? Como ser contra este sistema? Se eu acabo não pensando no meu eu, provavelmente, sofrerei as conseqüências por não pensar no eu.

Outro ponto, seria o mal das pessoas em apenas ver o erro do ser humano. “Fulano”, pode ser o cara mais legal que você conhece, mas a partir do momento que ele falha, as pessoas não conseguem mais olhar o passado dele e lembrar as coisas boas que foram feitas, mas só focam no erro.
Vale lembrar um texto: “Por que você repara o cisco que está no olho do seu irmão, e não se dá conta da viga/tora que está em seu próprio olho?” [Mt. 7:3] Bíblia

Ver, apontar e julgar os erros das pessoas é muito fácil, por isso que eu tenho pensado mais nas minhas criticas, por mais que as pessoas estejam erradas, eu sempre terei o meu erro, mesmo que ele não seja evidente para os olhos das pessoas, seja em secreto que apenas você sabe.
Antes de encerra, eu me pergunto... Qual é a melhor solução a se tomar quando você vê que uma pessoa continua a errar, mas ela diz que não consegue? Ou que não faz esforço para mudar?

Jogar pedra é a solução? O que eu quero passar nesse texto, confuso, pois essas são as minhas idéias na cabeça no momento, é que decepção com as pessoas sempre existirá, e que as pessoas sempre cometerão erros, mas como podemos ajudar? Como podemos ser altruísta ou melhor dizendo...como podemos ser Cristãos?

[...]

Abraço

5 comentários:

darsh. disse...

Cara, se você estudasse no meu curso, ia enlouquecer com essas coisas.

Aqui, esse álbum do Metallica ali do lado é o novo?

Lucas M. Lessa disse...

Uma célebre frase:
" O lance é continuarmos focados no Mestre, pois se nos distanciarmos dele, devido a atitudes erradas das pessoas, significa na verdade, que nunca estivemos com Ele."
Sei la, um abração Rafa.

Ni ... disse...

Não existe formula mágica... mas não podemos desistir... nunca...

Flá. disse...

É. Altruísmo, de acordo com genética evolutiva, só existe se rb > c. Ou seja, quando o grau de parentesco com a pessoa com a qual vc é altruísta e os benefícios que o altruísmo trazem superam o custo de sobrevivência. Profundo não?

Lutemos contra nossos próprios instintos. Para contagiarmos nosso meio.

:*

Carolina de Castro disse...

Pq sumiu?
=/