quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Ansiedade - Parte 1

[...] Um mês atrás, eu estagiava no Hospital Universitário da UFES, vivia minha vida boa por lá, calma, tranquila, sem muita correria e no final de todo mês entrava dinheiro na minha conta. Mas, como todo ser humano, eu não estava satisfeito, queria mais do que aquilo, e já estava tudo programado na minha cabeça..quando eu ia sair do estágio, aonde eu iria estagiar e o porquê da minha mudança.

Vale lembrar, que a partir da metade do primeiro semestre, eu não estava com aquela dedicação total para com Deus, foi uma fase que a Universidade me consumiu e muito. Era de Segunda a Sexta das 07:00 às 11:00, depois tinha o estágio de 13:30 às 17:30 e para completar o dia tinha aula a noite também na Universidade das 19:00 às 23:00.

Venho dizer que esse não é o melhor caminho a seguir, não me arrependo, mas eu não consegui absorver todos os conteúdos necessários de cada matéria.

Diante dessa situação, é que Deus me surpreende... Minha programação seria no dia 08 de agosto sair do estágio, e começar noutro estágio no dia 11. E quando eu comecei a pensar em procurar o estágio... Uma pessoa me liga do BANESTES [o estágio que eu tinha como objetivo], dizendo que eu tinha entrevista marcada para segunda feira e etc. Na hora, a minha reação foi: “Deus? Por que você está dando esta oportunidade para mim? Acho que não mereço!”

Porém, Deus, não faz as coisas assim tão simples e prontas. Ele tem as suas técnicas. =D Fui à entrevista, mas não fui contratado... O horário batia com o da Universidade. Mas o entrevistador, que por sinal é muito gente boa, me indicou para o outro setor e eu fiquei a espera... Neste período, foi o mais complicado, a minha namorada acabara de ir embora, o meu estágio não saiu como planejado, conseqüentemente, minhas emoções ficaram totalmente bagunçadas, e isso resultou em quase uma depressão, tudo bem, não é para tanto.

Na mesma semana, eu recebi uma ligação do setor o qual eu tinha sido indicado. Fui a entrevista e fui contratado. Exatamente no dia 11 comecei a trabalhar. Começo só agora perceber os cuidados de Deus para com minha pessoa. No meu ambiente de trabalho, eu tenho a companhia de 5 pessoas que são cristãs, isso me deixou muito feliz. Pois, ali eu me sentirei bem pelo tempo que eu estarei.


O que me resta, é só agradecer a Deus pelo seu amor.


Um grande Abraço a todos.

5 comentários:

darsh. disse...

oh
que relato bonito :)
parece até ficçãozinha ^^

Imaginação Insana disse...

rapaz
como vc concluiu
O que resta, é agradecer...
boa Rafa
Bração

Flá. disse...

Menino, Deus é um cara injusto mesmo. Se fosse justo, não haveria a Graça! :) Essa que abunda e nos deixa boquiabertos. Mesmo quando não nos dedicamos a Ele, lá está nosso Pai de braços abertos. Constrangedor...

bjo bjo!

T disse...

Ai ai :~

Ni ... disse...

Deus está sempre na direção, mesmo qdo não conseguimos entender...

Boa sorte no novo estágio...

Beijo